sexta-feira, 29 de abril de 2011

Sabe,



às vezes eu desejo que você seja real...


Que ao invés de só morar em meus sonhos, você seja tão vivo como eu ;
Que ao invés de ser minhas vontades, você seja minha certeza ;

Pensar em você é uma saudade que não tem nome, não tem explicação. É sempre ter um vazio no coração e o frio ao lado da cama. É como se sempre faltasse uma parte. Toda noite eu fecho os olhos e deixo você me encontrar. De repente eu sinto seu abraço e seu perfume único, o cheiro de lavanda e ar puro. Sinto seu corpo quente me protegendo e seus lábios roçarem a parte de cima da minha orelha. Ouço sua voz suave me acalmando e dizendo que eu vou ficar bem. Então você beija minha testa e diz que precisa voltar. A tristeza me invade te peço pra ficar mas já é tarde. Você se foi. Agora o calor do abraço virou frio e no lugar da sua voz, ouço o silêncio. Mais uma uma vez foi um sonho. Você não estava aqui. Nunca esteve.

E mais uma vez , mais uma vez , me pego esperando que você  seja minha realidade .

2 comentários:

Joseane Rosa disse...

Simplismente lindíssimo.

Mariana Vilas Bôas disse...

Liiiindoooo!
Preciso dizer o quanto seus textos me encantam?

Inveja booa!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...